Retrato em externa

O ambiente externo é uma excelente opção para quem quer inovar um pouco e criar fotos mais ricas e diversas e variar daquele aspecto, muitas vezes, estéril de um estúdio, porém, também pode representar dificuldades para quem não estiver preparado para encarar variações de iluminação ou não souber aproveitar o que o ambiente oferece de forma adequada.

Fotos em externa devem ser feitas com o maior cuidado, prestando muita atenção nos mínimos detalhes para garantir um resultado final bacana.

Tentando facilitar um pouco o seu ensaio fotográfico outdoor, selecionamos algumas dicas simples que podem ajudar bastante. E logo de início, já pedimos para vocês focarem neste tripé essencial: Local – figurino – pose.

O LOCAL DEVE COMBINAR COM A IDEIA DO TRABALHO

O lugar onde o ensaio vai acontecer torna-se componente indispensável daquela fotografia. Ele fará parte daquela foto, ele estará representado naquela imagem, então ele tem que fazer sentido naquele contexto. A escolha do local deve ser pensada para compor o resultado final, e então, vai depender daquilo que se deseja retratar e transmitir na fotografia. Assim como a pose, a roupa, a iluminação devem estar adequadas para o trabalho, o local que será o fundo da foto também deve combinar com a ideia do projeto.

E, de preferência, esse local deve ter algum significado para a pessoa fotografada.

A POSE DEVE SER NATURAL

Esse é outro aspecto que define a estilo e a personalidade daquela fotografia. A modelo deve estar confortável naquela pose, e isso deve fazer sentido ao compor toda a fotografia.

A modelo deve transmitir naturalidade e espontaneidade.

Há poses que não se encaixam para aquela locação escolhida ou que simplesmente não combinam com a roupa usada. Tudo deve estar balanceado.

A ROUPA DEVE REFLETIR A PERSONALIDADE

Esse aspecto fecha o tripé fundamental para a fotografia de pessoas, em geral.

A roupa, assim como o local e a pose, deve ser confortável para a pessoa e deve mostrar o estilo dela, sem forçar as aparências.

Aqui, os detalhes são essenciais. Cada peça de roupa, cada acessório usados transmitirão uma sensação a quem olha para a foto, e por isso, devem ser escolhidos cuidadosamente para transmitirem a verdadeira essência do fotografado.

Esses três componentes iniciais são os responsáveis por trazer à foto a personalidade e o estilo da pessoa fotografada. É o que chamamos de retrato ambientado.

Junto desse tripé, temos outros dois aspectos fundamentais na construção da foto, ligados à técnica do fotógrafo, que também comunicam alguma informação sobre as características do (a) modelo. Estamos falando, obviamente, da iluminação e da composição.

A escolha de uma composição, um plano, um enquadramento, ou quando escolhe se fotografo de baixo pra cima ou de cima pra baixo, o corte que eu vou dar vai transmitir algumas informações. E a composição deve combinar com a pose e com a roupa

A composição é a responsável por definir o que estará em cena e o que não. É com ela, que a gente escolhe o que iremos mostrar nas imagens e essa escolha deve estar em harmonia com os elementos anteriores para, junto a eles, contar a história completa da pessoa fotografada.

Depois de ter decidido a roupa, a pose, o local e a composição da fotografia, chega a vez de ajustar a iluminação para o click ficar perfeito.

É possível fotografar em qualquer tipo de luz, e, mais uma vez, a iluminação também é responsável por revelar muita informação, ressaltando detalhes e sinais.

Como para a elaboração de um retrato, a leitura da pessoa é essencial, devemos garantir que a pessoa esteja confortável e se sentindo bem para a foto.

“Uma dica que eu dou é usar luz suave e baixo contraste”, sugere Danilo Russo, fotógrafo e diretor do IIF.

Conseguir isso em externa pode parecer complicado, mas Danilo ensina: “A forma mais fácil é trabalhar, por exemplo, em uma sombra, ou no contra-luz. Ou trabalhar nas primeiras horas do dia ou no final da tarde”.

Essas são as dicas mais simples que ajudam o fotógrafo a resolver a dificuldade em compor a sequência de uma sessão fotográfica em externas. Fazendo com que os aspectos e as técnicas se comuniquem de forma visualmente harmoniosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Parceiros

Desenvolvido por