// A importância do Briefing na fotografia de Casamento

É muito comum ouvir em agências de Publicidade e ou escritórios de Design, a expressão “brifar um cliente”, que significa fazer um levantamento detalhado de necessidades e informações cruciais para se iniciar um projeto.  E vejo que cada vez mais, grandes fotógrafos de casamento, já incorporaram esse conceito em seus fluxos de trabalho.

Então, se não possuí o costume de “brifar seus clientes”, adquíra-o, pois irá polpar muitas surpresas (muitas vezes inconvenientes), melhorará seu fluxo de trabalho e certamente atingirá o principal, que é  a satisfação do cliente.

O mercado de fotografia de casamento está cada vez mais disputado, e com isso nossos clientes estão cada vez mais exigentes com relação à suas próprias necessidades.  Temos duas opções: 1) surpreender o cliente ou 2) continuar fazendo tudo do mesmo jeito sempre e sem mudar nada.  Se você optou pela primeira opção, parabéns! Isso significa você que tem vontade de inovar sempre.

Então porque usar um Briefing?

De modo geral, cada cerimônia é única, mesmo que os rituais sejam semelhantes e, ou, organizados pelo mesmo cerimonialista. Porém são: casais, convidados, decorações e situações diferentes.  Isso abre a necessidade de um amplo entendimento do que deverá ocorrer durante todo o evento, para que não haja surpresas para a equipe de fotógrafos.  Costumo sempre brincar com os noivos e muitas vezes isso vale uma conversa isolada com cada um, pois “vocês podem fazer surpresas um para o outro… mas nunca para o fotógrafo”.

Costumo separar meu briefing em duas partes:

1)     Briefing do Casal: aqui tento sempre levantar informações importantes sobre os gostos pessoais e do casal, ex: música, lugares, cor que mais gostam qual a música da relação, relação com os pais e família, qual o estilo de cada um e da relação (amizade, romântico etc), muitas vezes é necessário saber se são mais formais/discontraídos/modernos etc. Enfim, são informações para que se possa construir na mente, quem são essas pessoas.  A relação com a família é um ponto crucial, se os pais são separados em regime litigioso, certamente não são mais íntimos ou amigos, bom saber com antecedência para não cometer a gafe de tentar juntá-los em uma foto, poderá causar constrangimento.

2)     Briefing do Evento/ou Cronograma: Daqui extrai-se todos os passos do casal, desde o making of até o final da festa.  Faça um cronograma de cada etapa, horários e lugares que sairão e para onde chegarão.  Muitas vezes, você poderá identificar uma necessidade especial, não prevista na primeira conversa.  Procure questionar sempre as distâncias entre os eventos, principalmente do salão para a igreja, até porque os noivos acabam se esquecendo que o dia será corrido.  Caso tenha oportunidade, faça sugestões também para melhorar sempre a logistica do cronograma.  A noiva sempre se esquece que o cabelereiro da família está a quilômetros da festa, e isso pode prejudicar a maquilagem etc, ou que se deixarem para passar a gravata muito tarde os convidados irão embora.

O ideal é :

a)    sempre fazer um briefing básico, na data do fechamento do contrato com os noivos;
b)    rever o cronograma quando todos os profissionais, serviços e detalhes já tiverem sido definidos/contratados.
c)    rever o segundo briefing uma semana antes do casamento, na possibilidade de haver mudanças

Usando o briefing de maneira eficaz

Ok, agora você já possui uma série de informações valiosas, e o que fazer com tudo isso?  Calma, respire fundo e vamos por partes.

O primeiro briefing, ajudará na definição do estilo das fotos, também  o tipo de álbum e diagramação.  Tome como costume, construir o álbum mentalmente, antes do casamento, assim com as informações do briefing você certamente saberá o que o casal gosta e já terá idéias antecipadas do que fotografar.  É importante, e para não causar problemas futuros, levar algumas referências e discutí-las com o casal.  Por vários motivos: você ganha mais intimidade com eles, confiança e também não será surpreendido por uma cara feita do tipo “poxa, não era bem o que a gente queria”.  Lembre-se: foto boa é a que o cliente compra.

O segundo briefing, será um cronograma detalhado da festa.  Saber os horários e sequências da cerimônia, bem como as etapas da festa fará com que sua equipe se antecipe e estejam prontos para captar ótimas fotos, nos lugares e horários determinados.

Outro fator é que o fotógrafo, por já haver passado por outros casamentos antes, já tenha uma bagagem para fazer sugestões.  Caso não tenha, visite cerimônias de casamentos e veja a movimentação das equipes, ou tente acompanhar algum fotógrafo em sua rotina para ganhar essa experiência.

Palpitando na logística, é possível evitar gargalos falta de tempo para fotografar a noiva no carro, ou correrias desnecessárias devido ao mal planejamento do cliente.  E acredite, o cliente as vezes era feio no planejamento.

Dica: mesmo que os noivos optem por algo muito moderno, nunca deixe de fazer algumas fotos tradicionais.  Muitas vezes a família pede esse tipo de material, e tê-los é sempre um ponto positivo para você.

Briefings comentados¹:

Figura 1 – Cristiane e Ricardo

Perfil do Casal: entre 35 à 40 anos

Briefing: Cerimônia na igreja, recepção para 250 convidados.  Relação mais romântica; Possuem muitos amigos; Gostariam de fotos mais naturais e que valorizasse o romantismo.

Figura 2 – Palloma & Hog

Perfil do Casal: entre 25 à 30 anos

Briefing: Casal Jovem; Gostam de rock; Atualidade.  Queriam enquadramentos diferenciados com proposta de moda.  Gostariam de valorizar bastante a relação com os amigos e brincadeiras.

Figura 3 – Cristiane e Vinicius

Perfil do Casal: entre 25 à 30 anos

Briefing: Casal Jovem; Divertidos; Gostam de viajar. Queriam fotos em que a diversão estivesse presente.

Figura 4 – Vandi e Alexandre

Perfil do Casal: entre 25 à 30 anos

Briefing: Casal Jovem; gostam de MPB; descontraídos; Gostariam de fotos tradicionais, misturadas com fotos espontâneas. Queriam retratar a amizade e celebração com os amigos.

*¹- Para melhor visualizar as imagens, clique sobre elas.

Clique abaixo e conheça um modelo de Briefing que pode ser entregado aos noivos:

Modelos de Briefing

Por:

Murilo Martinez, paulistano, formado em comércio exterior e fotógrafo por paixão.
Iniciou sua carreira na fotografia em 2005 e, desde então, tem se dedicado ao tema, estudando novos conceitos e práticas dessa arte. Especializou-se em fotografia social, principalmente casamentos, gestantes e ensaios pessoais. É professor de técnica do Instituto Internacional de Fotografia
www.murilomartinez.com.br

Cadastre-se e receba as principais novidades do ramo da fotografia.

Posts Relacionados

[2020] VAGA: ASSISTENTE DE SALA DE AULA E FOTOGRAFIA NO IIF

[2020] VAGA: ASSISTENTE DE SALA DE AULA E FOTOGRAFIA NO IIF

O IIF (São Paulo) está com uma vaga aberta para Assistente de Sala de Aula e...

[VAGA] SECRETÁRIO(A) ESCOLAR NO IIF

[VAGA] SECRETÁRIO(A) ESCOLAR NO IIF

O(a) Secretário(a) será responsável por proporcionar o bom...

Qual é o melhor software de edição de imagens: Lightroom ou Photoshop?

Qual é o melhor software de edição de imagens: Lightroom ou Photoshop?

Como todo fotógrafo sabe (ou deveria saber), a pós-produção é parte...

[2019] VAGA: ASSISTENTE DE SALA DE AULA E FOTOGRAFIA NO IIF

[2019] VAGA: ASSISTENTE DE SALA DE AULA E FOTOGRAFIA NO IIF

O IIF (São Paulo) está com uma vaga aberta para Assistente de Sala de Aula e...

Parceiros