// 3 dicas valiosas para fotografia culinária

Com os smartphones com câmeras poderosas e as redes sociais, as fotos de comidas estão invadindo a rede. Para o dia a dia, tudo ok. Porém, nada substitui uma boa fotografia com preparação e planejamento – essencial para restaurantes e bares.

Desde sempre a fotografia vende. É ela que cria o desejo, que exalta as qualidades dos pratos e que dá água na boca. Para uma boa fotografia não basta apenas ter um prato atraente, as técnicas específicas de fotografia são necessárias para deixa-lo ainda mais suculento, atrativo e sedutor. Daremos algumas dicas essenciais mais para frente.

A produção de uma comida para a fotografia não é a mesma produção feita para servir o prato. Ela é muito mais detalhista. Esse vídeo sobre a produção dos sanduíches do McDonald’s para fotografias publicitárias é um exemplo.

Para que você entenda ainda mais sobre esse processo, vamos dar algumas 3 dicas valiosas para uma fotografia culinária de encher os olhos, dar água na boca e despertar vontade.

1) Pré-produção

Thomas_Kremer_Culinaria-26

Esse é o primeiro passo. É preciso servir o prato com o “objeto” principal sempre na frente que quem vai ser servido (nesse caso, a câmera! rs). Tenha em mente também se você quer tirar uma foto em close ou mais ampla, mostrando o que está à volta do prato. No segundo caso, também é necessário pensar no cenário da mesa e do fundo que irá aparecer na foto (mesmo que desfocado).

2) Iluminação

Thomas_Kremer_Culinaria-21

Depois da pré-produção, esse é o ponto mais importante de uma fotografia culinária. A iluminação natural é a que traz um resultado mais bonito à foto, por isso, abuse dela! Se você for fotografar à noite, use flashes externos, nunca os flashes embutidos da câmera. A iluminação feita por trás do objeto a ser fotografado evidencia as texturas do alimento, o que o deixa mais apetitoso. Nesse caso use também um rebatedor. Outra vantagem de usar a boa iluminação é a possibilidade do ISO baixo.

3) Nitidez

Thomas_Kremer_Culinaria-8

Um dos segredos da foto culinária é a sua nitidez. Assim, todos os detalhes do prato poderão ser observados como se quem vê aquela foto estivesse frente a frente com o prato pronto para degusta-lo. A dica é deixar o objeto principal do prato com o foco e os complementos desfocados. Para garantir a nitidez da foto, use um tripé.

-Atualizada em 17 de Fevereiro de 2017

Cadastre-se e receba as principais novidades do ramo da fotografia.

Posts Relacionados

COMUNICADO IIF

COMUNICADO IIF

Informamos que devido a pandemia do COVID-19, em respeito à lei 13.979, e a...

[2020] VAGA: ASSISTENTE DE SALA DE AULA E FOTOGRAFIA NO IIF

[2020] VAGA: ASSISTENTE DE SALA DE AULA E FOTOGRAFIA NO IIF

O IIF (São Paulo) está com uma vaga aberta para Assistente de Sala de Aula e...

[VAGA] SECRETÁRIO(A) ESCOLAR NO IIF

[VAGA] SECRETÁRIO(A) ESCOLAR NO IIF

O(a) Secretário(a) será responsável por proporcionar o bom...

Danilo Russo lança guia completo sobre Iluminação na Fotografia em palestra ao vivo

Danilo Russo lança guia completo sobre Iluminação na Fotografia em palestra ao vivo

O domínio da iluminação na fotografia é algo que não acontece do dia para...

Clique aqui para receber mais informações

Parceiros